III – habitação em banda

For
esap – escola superior artística do porto
Description

O terreno situa-se ao lado do Largo Padre Baltazar Guedes, no gaveto entre a Rua de S. Vítor e a Rua Gomes Freire. A diferença de cotas é enorme entre as ruas, aproximadamente 11 metros.

A ideia é dar continuidade à cidade pela Rua Gomes Freire.
Para resolver esse problema resolvi recuar a linha das habitações nessa rua, criando um espaço como a chegada, o abraço de boas-vindas daquele mesmo espaço e das futuras habitações.

Uma banda nasce na Rua de S. Vítor, seis habitações de tipologia T3 acompanham o desenho da rua. Estas são de dois pisos, ambos virados para a cidade. Dentro do terreno nasce outra banda, esta que acompanha a nova linha da rua.
A sua forma dá a noção do abraço àquele novo espaço, um espaço de vizinhança, de um suposto convívio, mas que desta vez com uma maior qualidade, aberto.
Esta banda apresenta mais três tipologias, dois T4, um T1 e três T2.
O T1 comporta-se como a ligação das duas bandas e das diferentes tipologias.

É o ponto essencial da ideia das bandas, de como se uma nascesse de dentro da outra.

Type
arquitectura II